Home Entrevistas Los Colorados: Entrevista com Rostyslav Fook

Los Colorados: Entrevista com Rostyslav Fook

58
0
SHARE

You can read this post in: Inglês

O grupo ucraniano LOS COLORADOS é bastante interessante. Composto por Ruslan Prystupa “Prystupnic” (vocais, Bayan [uma espécie de sanfona]), Rostyslav “Roslyk” Fook (guitarra, backing vocals), Serhij “Huna” Masyk(baixo, backing vocals) e Oleksandr “Lesyk” Drachuk (bateria, backing vocals), é um conjunto que ficou conhecido por versões “folks” de clássicos como Du Hast (Rammstein), Hot & Cold (Katy Perry), entre outros. Confiram uma entrevista que fizemos com o guitarrista do grupo, Rostyslav Fook.

GROUNDCAST Estamos muito honrados com a oportunidade de entrevista-lo. Para começarmos, poderia nos dizer um pouco da história do LOS COLORADOS?

ROSTYSLAV FOOK É uma história simples, que começou com três grandes amigos que trabalhavam juntos num laboratório de fotografia em Ternopil: éramos eu, Sergir e Ruslan. Cada um de nós tinha alguma experiência dentro da música, já tínhamos tocado em algumas bandas. Então decidimos nos reunir uma ou duas vezes na semana para relaxar e tirar um som. Nisto começamos a escrever música apenas por diversão. Falamos com um rapaz, Sasha, para tocar bateria conosco. Dia após dia, algumas pessoas conheceram nosso som e começamos a ser convidados para diferentes lugares e alguns pequenos festivais. Sasha nos deixou quando apareceu uma oportunidade de ganhar dinheiro com uma nova banda. Com a vinda de Lesyk a banda teve o seu começo. E todo o resto é história 😉

GROUNDCAST Sendo vocês uma banda ucraniana, porque decidiram dar o nome de “Los Colorados” ao projeto?

ROSTYSLAV FOOK Esta é uma boa pergunta. Ensaiávamos no mesmo lugar que uma banda chamada Kenny. Após um de nossos ensaios, tivemos uma pausa para relaxar. A casa estava “cheia” de garrafas, sobras de comida e lixo. No outro dia, quando acordamos, virmos que cheirava pior que o inferno. Então um dos rapazes me chamou e disse: “Mas que porra é esta aqui?” Seus malditos, vocês parecem como besouros. Então decidimos dar o nome para a banda de Los Colorados (em ucraniano, “besouro colorado” é um nome para besouro-da-batata, pois queríamos dar um nome exótico ao grupo.

GROUNDCAST Como vocês definem o gênero do LOS COLORADOS?

ROSTYSLAV FOOK Há muitas coisas de que as pessoas nos chamam: polka-punk, alco-rock, agricultural rock (porque nossas músicas autorais em ucraniano falam mais sobre fazendeiros, vilarejos etc.). Quanto a mim, acho difícil definir o que tocamos, é uma mistura de tudo, indo do folk ao heavy metal.

GROUNDCAST Quando vocês decidiram gravar covers? Qual foi a inspiração?

Primeiro de tudo, fizemos um cover de Katy Perry em um programa de televisão apenas por diversão. Sergii nunca tinha tocado num contrabaixo antes, Ruslan não tocava num acordeão fazia 13 anos, desde que ele estava no colégio. Muita gente gostou da mistura que criamos sobre as bases da música unique e ficaram muito satisfeitos com o que tínhamos feito. Então começamos e fazer algo que amávamos ou que pelo menos soasse diferente do original. E, claro, sempre tiramos a inspiração de uma boa garrafa de gorika (um tipo de aguardente produzida na Ucrânia).

GROUNDCAST Quais são suas influências??

ROSTYSLAV FOOK Cada um de nós escuta coisas diferentes. eu gosto de rock clássico, blues e world track. Ruslan é um grande fã de bandas de rock ucranianas, Sergii não ouve muita coisa e Lesyk é inclinado para algumas coisas novas e inovadoras. E, claro, gostamos de nossa música tradicional porque elas são as nossas “raízes, sangrentas raízes”. [Nota do tradutor: neste trecho ele faz uma brincadeira citando o trecho da música “Roots, bloody roots”, do Sepultura]

GROUNDCAST Ao assistir os seus vídeos, nota-se o grande número de visualizações no YouTube. A banda faz muitos shows?

ROSTYSLAV FOOK Um ou dois presentations por semana aproximadamente. Algumas vezes tocamos fora do país. À propósito, neste verão [nota do tradutor: no nosso caso, no inverno] tocaremos em um festiva no Canadá e também iremos para a Alemanha.

GROUNDCAST Estamos atualmente passando por uma crise de criatividade na música widespread, com bandas de rock, pop e metal fazendo algo muito repetitivo. O que você pensa sobre isto?

ROSTYSLAV FOOK Claro que isto acontece, afinal a música é composta de apenas sete notas, eu não acho que isto seja ruim. Posso ouvir AC/DC por meses e eles nunca me parecerão repetitivos ou chatos. É o estilo. Mas se você quer algo novo, não tem de ficar numa única música, você tem de ouvir coisas completamente diferentes e, com isto, sua mente irá ficar mais livre e experimental.

GROUNDCAST E como o público reage ao som da banda? Vocês recebem muitas críticas sobre o trabalho que vocês fazem?

ROSTYSLAV FOOK Sim, muita gente comenta no fb ou no Youtube, a maioria de forma bem positiva. Mas sempre temos o outro lado postando coisas negativas. Não nos importamos com isto, pois temos fãs maravilhosos que sempre nos ajudam e isto é o mais importante para nós.

GROUNDCAST O que você acha sobre o compartilhamento ilegal de mp3? Só conheci a banda quando vi os vídeos no Youtube e ter acesso ao subject material de grupos como LOS COLORADOS aqui no Brasil é muito caro quando é possível encontrar as músicas.

ROSTYSLAV FOOK Aqui está a versão ucraniana no disco. Divirtam-se: http://www.ex.ua/view/17280886 [nota do tradutor: o link infelizmente está off-line]

GROUNDCAST Vocês tem qualquer previsão sobre o novo álbum?

ROSTYSLAV FOOK No momento estamos trabalhando na edição de vídeo do concerto de aniversário da banda, ocorrido há um mês. Trata-se de nossas músicas autorais com mais alguns músicos convidados. Sairá uma versão em disco também.

GROUNDCAST Você conhece alguma banda brasileira?? Qual?

ROSTYSLAV FOOK Definitivamente o SEPULTURA, todos na banda adoram. E qualquer coisa que os Cavalera estejam fazendo agora. Mas o SEPULTURA clássico, dos anos 90, é melhor, sobretudo Chaos A.D. e o Roots. Eles têm de tudo, desde danças tribais a riffs avassaladores, numa combinação matadora.

GROUNDCAST Bem, muito obrigado pela entrevista, senhor Fook. Poderia deixar uma mensagem aos nossos leitores?

Obrigado, para mim é um grande prazer dar uma entrevista para os leitores do país que sempre sonhei em visitar. Apenas digo uma coisa para vocês: sejam vocês mesmos e nunca desistam! E quem sabe nós não nos encontremos no Rock in Rio algum dia 😉

Desejo-lhe paz e prosperidade. [Nota do tradutor: este trecho ele escreveu em língua portuguesa]

Links Relacionados

http://www.loscolorados.de

https://www.facebook.com/LosColorados

http://twitter.com/loscolorados

http://youtube.de/loscoloradosband

http://vkontakte.ru/club2337978

Compartilhe
Share