Home Listas Os dez melhores discos de 2012

Os dez melhores discos de 2012

79
1
SHARE

Muito bem meus amigos do Groundcast, aqui vamos colocar os nossos melhores discos deste ano, com alguns comentários interessantes. Como sou o primeiro, vamos falar dos discos que, para mim, marcaram este ano de 2012.

Espelho Mau – Fado Menor

Depois de um bom tempo sem lançar nada, o grupo português Espelho Mau lançou o disco “Fado Menor”, mesclando o melhor do gótico com influências de diversos meios. Aqui está então um maravilhoso disco

Antimatter – Fear of a Unique Identity

Uma grande surpresa deste ano foi o lançamento de “Fear of a Unique Identity”. Este disco traz uma faceta mais rock e menos experimental, contando com melodias bonitas e bons arranjos.

John Wayne – Tempestade

O metalcore está cada vez mais forte e um dos grandes responsáveis por isto é a banda John Wayne. Cantando com letras em nosso idioma, sua música fala sobre os conflitos e as saídas para a nossa juventude, recheado com o peso e a agressividade do metal extremo.

Alcest – Les Voyages de l’Âme

Nunca fui um grande fã do Alcest, mesmo gostando do disco anterior, “Écailles de Lune            “. Mas, pelo menos para mim, este é o melhor disco de todos os tempos. Ambiente, metal e muitas misturas inusitadas e interessantes.

A Forest of Stars – A Shadowplay for Yesterdays

No disco anterior, “Opportunistic Thieves of Spring”, era apenas bom. Não soava como um disco do A Forest of Stars. Com o lançamento deste excelente trabalho, temos um retorno as origens experimentais do grupo, trazendo inovação e genialidade.

Dead Can Dance – Anastasis

Falar o quão bom é este disco é redundante. Simplesmente mais uma excelente obra prima da dupla Lisa Gerrard e Brendan Perry, com melodias muito mais “suaves” e menos melancólicas. É um retorno triunfal dos pais do Ethereal.

Rome – Hell Money

Um grande marco para um dos mais promissores grupos de neofolk em atividade. É um trabalho acústico, muito bem produzido e com passagens que são ao folk rock. Bom demais.

Aesthetische – Powerswitch

Este disco marca o retorno dos grandes mestres do EBM brasileiro, responsáveis pelo grandioso projeto Aghast View. Espere o novo mesclado com o antigo, num misto de modernidade com raízes no mais puro oldschool.

 The Foreshadowing ‎– Second World

432007_10150746035694612_49778494611_11408326_518358407_nO novo disco deste grupo italiano de doom/gothic metal é maravilhoso. Melancólico, sem ser arrastado e belíssimas canções, destacando-se de outros trabalho.

Moonspell – Alpha Noir/Omega White

Este, pelo menos para mim, foi o disco do ano. O retorno dos portugueses em mais um sensacional disco, fazendo um paralelo entre o seu lado mais gótico e o seu mais metal. Ambos os discos são excelentes.

 Decepção do ano: Wintersun – Time I

O mais ovacionado disco do ano e, ao mesmo tempo, a maior decepção de todo o ano. Era um disco aguardado, com inúmeras expectativas, oferecendo mais do mesmo em termos de metal sinfônico. Um disco bem produzido, mas abaixo do prometido.

Compartilhe
Share